Você está em >>> Tarô de Marselha >>> Acesse o Índice de Tarô de Marselha

 

 

 

 OS 22 ARCANOS MAIORES DO TARÔ

 

 

ARCANO 9    -   O ERMITÃO

 

Lâmina ligada ao plano mental, com fortes reflexos no plano anímico. Convida o consulente a tirar proveito de suas dificuldades, refletindo sobre  o sentido último delas. À medida que o consulente interage no plano mental, pela reflexão no plano anímico, recebe as influências benéficas que precisa. O Ermitão significa luz, conhecimento de uma verdade, encontro consigo mesmo. Negativamente significa introversão, receios infundados, tristeza.

 

      ARCANO 10 - A RODA DA FORTUNA

 

Lâmina ligada ao plano material, interagindo no plano anímico. Num sentido imediato, é neutra; mas em sentido mais amplo, é quase sempre benéfica. Exige a necessidade de se interrogar as cartas vizinhas. Índica movimento e mudança, novas oportunidades em andamento, o destino construído, para frente ou para trás.

Pode  tomar das cartas vizinhas um sentido negativo, chamando o consulente à transformação, indicando sua incapacidade de aprender com os próprios erros.

   ARCANO 11 - A FORÇA

 

Lâmina ligada ao plano anímico, interagindo fortemente com o plano mental, determinando com isso o plano material. Reflete as naturezas instintivas e emocionais do consulente, sexualidade e personalidade. Chama o consulente à razão, a sobrepujar o ego. Positivamente, esse arcano significa força, firmeza e inteligência para sobrepujar os obstáculos no plano material, à medida que o consulente - chamado à razão -, passa a exercer sobre si o controle emocional. Negativamente, essa carta significa o domínio das paixões sobre o consulente.

   ARCANO 12 - O ENFORCADO

 

Lâmina ligada ao plano anímico, com forte influência no plano material. Age em contracorrente no plano mental, indicando que o consulente está frustrado por um desejo não satisfeito: está preso ao mundo, ao ego, é escravo das circunstâncias. Está amarrado pelo pé esquerdo (onde está a força para se concretizar o ideal - observar a perna cruzada, como em O Imperador). Esse arcano propõe ao consulente a supressão do ressentimento, de ódios ocultos e toda ilusão que ele toma como verdade.

                  

 

ARCANO 13 - A MORTE

 

Lâmina ligada, pela ordem, aos três planos: anímico, material e mental. Apesar de seu simbolismo tenebroso, sua saída na tiragem pode ser benéfica. Basicamente determina a evolução ou aborto de alguma coisa que o consulente anseia, e a maneira como ele está lidando com isso em seu plano mental, de cujas retortas sairá a imagem realizada no plano material. Portanto, indica tomada de novos rumos. Afetivamente, essa carta pode indicar o fim de um amor ou de uma ilusão. Implica, pois, espiritualização.

 

      ARCANO 14 - A TEMPERANÇA

 

Lâmina ligada ao plano mental, com fortes influências sobre os planos material e anímico. Alerta o consulente à introspecção, a buscar a tranquilidade para poder enxergar possibilidades sobre as quais não tinha pensado ou visto. Ordena uma busca interior, um renascimento pela razão, pela compreensão de verdades imutáveis. Basicamente, esse arcano indica tendência de realização favorável; mas, em sentido negativo,  indica instabilidade emocional, dúvida e desacordo consigo mesmo ou com  pessoas ligadas ao consulente.

 

 

 ARCANO 15 - O DIABO

 

Lâmina ligada ao plano anímico, com reflexos no plano material. Lida com as forças atuantes no corpo: instintos,  sexualidade, emoções e astral, podendo ser, nesse sentido, positiva ou negativa, conforme a disposição das  cartas vizinhas. Ligada às paixões, essa carta implica ignorância, intriga, escravidão e submissão ao mundo: o consulente pode estar desrespeitando tiranicamente os sentimentos de alguém, ou está sendo vítima de tramas ocultas, perseguições, egoísmo, inveja, maldade de alguém. Ou seja, uma forte oposição anímica externa, sediada no inconsciente do consulente,  pode estar influenciando e direcionando-o  para o fracasso nos seus empreendimentos.  No plano material indica sucesso efêmero, geralmente obtido pela força. 

 

      

RETORNA

 CONTINUA

 

 

 

 

 

 ® DIREITOS RESERVADOS - LEI 9610 dos Direitos Autorais, de 1998.